Sobre nós

DRI Facens

O DRI – Departamento de Relações Internacionais – da FACENS dedica-se à captação e desenvolvimento de parcerias e projetos internacionais, envio e acolhimento de estudantes e professores das instituições parceiras sediadas na Alemanha, Espanha, EUA, Índia, Itália, Japão, Peru e Portugal.

Além disso, o DRI busca fortalecer cada vez mais as parcerias já estabelecidas, atrair estudantes internacionais, ampliar a visibilidade da FACENS no exterior, organizar eventos e ações que possibilitem a internacionalização do campus, monitorar a abertura de editais e fomentos para pesquisas e projetos internacionais, entre outras.

nossa história

O processo de internacionalização da Facens começou em 2012, com o envio de estudantes para participar do programa governamental Ciências sem Fronteiras. Em 2015, foi criado o DRI (Departamento de Relações Internacionais).

 Desde então, o departamento vem trabalhando na internacionalização da Facens com a responsabilidade social e desenvolvimento de programas, projetos e parcerias com instituições ao redor do mundo.

Missão

Criar oportunidades para a promoção de conhecimento e
liderança em contexto global.

Visão

Ser uma rede global por meio de parcerias internacionais que visa a responsabilidade social e o melhor desenvolvimento educacional.

depoimentos

Nuno Clodic

Incoming - Instituto Politécnico da Guarda - Portugal

“A conclusão da minha licenciação/graduação não seria a mesma sem ter conhecido a Facens através da minha mobilidade. Sou eternamente grato por essa oportunidade. Não percam essa mesma oportunidade de a conhecer e o que de rico tem a oferecer para seus alunos e a linda cultura brasileira.”

Paloma Barreiros

Incoming - Instituto Politécnico da Guarda - Portugal

“A experiência foi positiva sem dúvidas nenhuma, de um enriquecimento pessoal e profissional imensurável. Sem dúvidas que recomendaria a Facens como destino de intercâmbio internacional, até porque já tenho recomendado. Estudar na Facens é estar alegre todos os dias.”

Carlos Alberto Ayres de Pontes Jr

Outoging - Universidade de Aveiro - Portugal

“Acredito na educação como mecanismo de transformação social e nada melhor do que a internacionalização para que possamos ter a oportunidade de conhecer novas tecnologias, novos sistemas construtivos, novas políticas públicas e novas culturas.”

Amanda Prieto

Outgoing - Universitat de Lleida - Espanha

“O intercâmbio me fez amadurecer como pessoa, a aceitar pessoas com suas diversidades culturais, abriu meus olhos para decidir o que eu quero fazer depois da faculdade, me deu uma oportunidade de complementar meus estudos de engenharia, me deu amigos do mundo todo e de poder viajar e afrontar desafios seja pessoal ou profissional”